Ciência Sem Fronteiras: não é o fim

O Ciência Sem Fronteiras acabou? Perguntam-se milhares de brasileiros neste momento. Infelizmente, a resposta a esta pergunta é sim. Porém, isso não significa o fim das esperanças para quem ainda sonha em estudar no exterior. Com o apoio da Kickante, você pode conseguir o financiamento necessário para se aprimorar profissionalmente no exterior. Basta acessar o canal “Ciência sem fronteiras”, criar seu kickante e contar com todo o suporte da equipe da Kickante para fazer da sua campanha de arrecadação um sucesso! Saiba mais abaixo.

Quero criar um crowdfunding

Imagem da campanha Mestrado na King's College London!
Imagem da campanha Mestrado na King’s College London!

Conheça melhor o programa

O encerramento do programa, que concedeu quase cem mil bolsas de estudo para universitários desde 2012, impacta diversos estudantes que estavam se preparando para seus futuros editais. O investimento em pesquisa no Brasil ainda é abaixo do esperado, cerca de 1,2% do PIB é voltado para pesquisa acadêmica, enquanto em países como Estados Unidos e China os números ultrapassam os 2%.

A ausência de uma maneira eficaz de analisar quais os benefícios que o Ciência Sem Fronteiras trouxe ao país foi um dos fatores determinantes para o seu encerramento. A crise político-econômica instaurada em nosso país também serviu como agravante para que, pouco a pouco, cortes fossem realizados no programa.

Imagem da campanha Bolsa de estudos para intercâmbio em pesquisa

Legado do Ciência Sem Fronteiras

Ao olharmos atentamente o progresso individual de cada estudante que foi beneficiado pelo programa, é possível notar como esta experiência contribui para a formação de uma nova geração de pesquisadores, empenhados em trazer melhorias para a população.

Por exemplo, o caso do ex-bolsista do programa e estudante de medicina, Breno Bernades que, ao retornar ao Brasil, participou da elaboração de um aplicativo que combate o Tabagismo. Ou a recém doutora Izabelle de Mello Gindri que desenvolveu de uma aplicação de patente e foi premiada com o “Johnsson Family Graduate Fellowship in Bioengineering” durante os 3 anos que passou na University of Texas at Dallas (UTD).

Algumas outras histórias sobre estudantes do Ciência Sem Fronteiras

Quero criar um crowdfunding

O canal “Ciência Sem fronteiras” da kickante

Diante deste cenário, a Kickante resolveu tomar uma atitude em relação à situação da educação brasileira. O nosso canal “Ciência sem fronteiras” visa que, através de seu kickante, o aluno que queira estudar no exterior ou já esteja lá, pelo programa, possa continuar seus estudos fora do Brasil.

E aí, vamos trabalhar juntos por um futuro melhor para nossos universitários?