“Kickante está vivendo1.800% de crescimento anual no Brasil”

Em menos de dois anos de operação, a Kickante tem se destacado na cena do crowdfunding brasileiro com uma taxa de crescimento de 1.800%.

Enquanto a economia brasileira se esforça, a Kickante é uma luz brilhando no horizonte econômico que combina capital para empreendedores e outros criadores de projetos. A Kickante já emplacou a maior campanha de crowdfunding do país. A plataforma levantou mais de R$ 11 milhões (cerca de USD $ 2,7 milhões) até o momento. Embora seja uma empresa pequena, a trajetória da plataforma permanece sólida.

Quero criar um crowdfunding

Candice Pascoal, fundadora, falou sobre o sucesso da plataforma no verão passado.

“Assim como aconteceu nos EUA, durante a crise de 2007, a Kickante está se estabelecendo como o braço direito dos brasileiros neste momento de crise no país, e é agora a melhor alternativa para tirar diversos projetos do papel. ”

O Brasil está enfrentando a pior recessão em 100 anos. A liderança fraca e uma política contra o capitalismo tem impulsionado um mercado emergente e promissor, para um declínio drástico.

O jornal Financial Times descreveu recentemente a economia brasileira como se “o Brasil fosse um paciente de um hospital e os médicos da UTI o tivessem diagnosticado como em estado terminal”. Enquanto os políticos exibem sua, até então, estabilidade econômica invejável, o empreendedorismo está em ascensão.

Startups e inovação são o remédio para os males do Brasil. Mas essas jovens empresas precisam ter acesso ao capital para superar os desafios da política equivocada. De acordo com um relatório recente, “as startups têm anunciado, pelo menos, um acordo semanal de financiamento nos últimos meses”. É aí onde a Kickante pode desempenhar um papel vital.

Menino com a bandeira do Brasil pintada no rosto

Embora hoje seja uma plataforma de crowdfunding baseada em recompensas, a Kickante planeja expansão para um modelo baseado em investimento – um passo natural na construção de um mercado de capital online.

Candice foi reconhecida no ano passado como uma das dez mulheres empresárias de tecnologia que fazem a diferença no país sul-americano – um belo reconhecimento. O Crowdfund Insider conversou recentemente com Candice para saber mais sobre a Kickante e sua visão para o futuro.

Crowdfund Insider: Por que você decidiu criar a Kickante no Brasil?

Candice Pascoal: Tendo trabalhado na indústria da música e na captação de recursos para ONGs nos últimos 20 anos, eu já vi muitos artistas incríveis e ONGs em uma luta difícil pela obtenção de financiamento para os seus projetos.

O crowdfunding é uma maneira barata e livre de riscos para eles financiarem projetos e ampliarem suas oportunidades, e eu quis trazer essas oportunidades para o Brasil.

Crowdfund Insider: A Kickante é bem sucedida?

Candice Pascoal: Sim. Em 1 ano e meio, a Kickante lançou quatro vezes o número de campanhas comparado a nossa principal concorrente no Brasil, que existe no mercado há cinco anos.

Estamos vivendo um crescimento de 1.800% anualmente. Conseguimos os dois recordes de arrecadação de crowdfunding no país, incluindo o maior da América Latina (Santuário Animal e Bel Pesce). Somos desafiados diariamente a ensinar a arte da doação para um país em que a economia de partilha é novidade.

Nosso histórico de inovação me concedeu duas indicações (uma para “Top 50 profissionais mais inovadores de comunicação e marketing do Brasil” pela renomada revista de marketing Proxxima, e um para “10 mulheres mais inovadoras na área de tecnologia” por ZDNet, em que foi premiada no primeiro ano de existência da nossa empresa). Seguimos fortes com nosso compromisso de tornar o crowdfunding uma parte significativa da economia brasileira, assim como é para os americanos hoje. Sentimos que ainda estamos nos estágios iniciais desse objetivo.

Crowdfund Insider: Agora a plataforma é baseada em recompensas. Você pretende entrar em debt e equity crowdfunding?

Candice Pascoal: É baseada em recompensas e doações agora. Nós definitivamente vamos entrar em debt e equity crowdfunding quando for regulamentado e aprovado pelos órgãos do governo do Brasil.

Nós fazemos parte de um grupo de líderes brasileiros que trabalham junto com o governo brasileiro para tornar o equity crowdfunding possível. Ambos representarão mudanças do jogo no país, mas eles precisam ser aprovados em primeiro lugar.

Quero criar um crowdfunding

Crowdfund Insider: Você vê o crowdfunding como um catalisador positivo para as PME?

Candice Pascoal: Com certeza, sim. Temos visto um aumento na quantidade de Startups vindo ao nosso site para arrecadar fundos.

Algumas campanhas em andamento: Guarddy GPS, E-concurseiro e Aguawell Light.

Algumas encerradas: Mecânica em Miniatura, Moccato Café, Nearbee, Aplicativo para Mães e 1º Box de Beleza.

Crowdfund Insider: Você pretende expandir a empresa para outros países?

Candice Pascoal: Nós temos convites de expandir para os EUA, França, Itália, Austrália e outros países menores. No entanto, sentimos que a oportunidade no Brasil é grande e que o nosso trabalho mal começou. Neste momento, nós decidimos focar Brasil por mais um ano. Em seis meses, vamos rever a nossa abordagem.

Crowdfund Insider: Quais são seus pensamentos sobre as mudanças que ocorrem na indústria financeira hoje?

Candice Pascoal: A economia de partilha é um importante movimento em direção a fornecer igualmente para indivíduos e organizações oportunidades de financiamento de seus projetos.

Quero criar um crowdfunding

Artigo original: http://www.crowdfundinsider.com/2015/09/75055-candice-pascoal-kickante-i…