A Evolução do Crowdfunding no Brasil e no Mundo

O crowdfunding ou financiamento coletivo como também é chamado, surgiu como o modelo de economia colaborativa mais fácil e viável para qualquer pessoa que quer arrecadar fundos para tirar um projeto do papel – artistas, cineastas, ONGs, idealistas, esportistas, empreendedores, entre outros.

O termo crowdfunding traduzido ao pé da letra é “arrecadação de fundos pela multidão”. Isso porque, ao contrário do investimento tradicional, em que poucas pessoas depositam muito dinheiro em um projeto, com o financiamento coletivo você pode arrecadar valores menores através de muitas pessoas (que acreditam na sua ideia e potencial).

​​

Quero criar um crowdfunding

Mercado mundial de crowdfunding

A prática começou a aparecer em 2005 e ganhou escala mundial a partir de 2009, com o lançamento da primeira plataforma americana. No Brasil, apareceu em 2011, e hoje está disponível em mais de 160 países.

Número de campanhas de crowdfunding ao redor do mundo
Número de campanhas de crowdfunding ao redor do mundo

Nos Estados Unidos, o crowdfunding já é visto com um importante centro de inovação, lançando diariamente novos produtos, artes e serviços, em campanhas que chegam a arrecadar US$ 14 milhões em 60 dias. Isso chama a atenção do mercado, de investidores anjos e até mesmo de novos consumidores para as empresas bem sucedidas em suas campanhas.

A indústria do crowdfunding arrecadou US$ 16.2 bilhões no mundo todo em 2014. Um aumento de 167% em relação ao ano anterior, quando as campanhas ao redor do mundo geraram US$ 6 bilhões. As projeções indicam que o mercado vai chegar a pelo menos US$ 90 bilhões até 2025 e o Brasil tem potencial para representar pelo menos 10% desse valor.

Crowdfunding no Brasil

O Brasil vem tomando cada vez mais conhecimento do que é o crowdfunding e, com isso, as plataformas de financiamento coletivo estão cada vez mais aperfeiçoadas para atender às necessidades dos usuários – os criadores de campanhas e contribuidores.

E o modelo de economia coletiva deve ficar ainda mais popular. Em um país em que se torna cada vez mais difícil conseguir investidores, o crowdfunding aparece como uma alternativa simples e sem burocracia de realizar seus sonhos.

O crowdfunding representa entre 0,3% e 0,03% dos formatos de arrecadação de fundos no Brasil. Embora não haja uma pesquisa exata sobre a fatia de mercado, existe um consenso de que sua utilização ainda é baixa, principalmente se considerarmos a adesão da população às redes sociais – que se mostraram um dos principais instrumentos de divulgação para as campanhas de sucesso.

​​

Quero criar um crowdfunding

Diferenciais das plataformas de crowdfunding brasileiras

Os brasileiros são muito generosos por natureza, mas poucos já tinham o hábito de colaborar e investir em projetos novos. Então, os fundadores de plataformas sentiram a necessidade de criar um local para criar uma cultura de contribuição que ainda não existia.Todas as plataformas brasileiras seguem o modelo tradicional de financiamento coletivo, porém, se esforçam para oferecer diferenciais e adaptações que tragam melhores resultados.

A Kickante é o único site no Brasil desenhado de acordo com o estilo americano, mas adaptado para o público brasileiro. Dentre seus diferenciais, estão a possibilidade de parcelar o pagamento das campanhas em até seis vezes – sendo que o criador da campanha recebe à vista – que definitivamente é uma adaptação para o público brasileiro.

Outro diferencial está nas ferramentas voltadas para o aprendizado dos criadores de campanhas de financiamento coletivo, ajudando assim a profissionalizar o segmento de financiamento coletivo no Brasil. Na plataforma, o criador encontra dicas, vlogs e blogs para maximizar seu conhecimento.

A Kickante atua com campanhas tradicionais “Tudo ou Nada” (quem cria recebe apenas se atingir ou ultrapassar a meta estabelecida. Caso contrário, todas as doações são devolvidas aos seus contribuidores) ou “Flexível” (aquelas em que se recebe todo o valor arrecadado no término, mesmo sem ter atingido a meta estabelecida). Permite o pagamento com boleto, transferência bancária e cartão de crédito. Sua tecnologia é moderna e segura. Há um Painel de Controle ligado às instituições financeiras, para que idealizadores possam acompanhar em tempo real as contribuições. O site também é auditado diariamente, e trabalha com o sistema Wirecard (intermediador de pagamentos on-line).

E o futuro do crowdfunding no Brasil?

Nosso país tem um verdadeiro potencial de crescimento no mercado do crowdfunding, ainda pouco vislumbrado pelos brasileiros. É preciso quebrar paradigmas e torná-lo uma ferramenta de empreendedorismo, realizações e promoção criativa e empresarial. Uma ferramenta que tem muito a ampliar e contribuir não só para o fortalecimento da economia, mas também para a melhoria de problemas sociais brasileiros.

​​

Quero criar um crowdfunding